[RESENHA] Mulheres Incríveis

Oi, Pessoal, tudo bem?

A resenha de hoje é muito especial, pois estou trazendo um livro que traduz muito bem o empoderamento feminino e a grandiosidade de ser mulher. O livro da vez se chama “Mulheres Incríveis” e foi lançado, recentemente, pela Editora Astral Cultural. Não conhecia esse livro e quase enlouqueci quando o encontrei na Livraria Nobel, em Cotia, São Paulo. Vamos lá começar!

“Mulheres Incríveis” vai nos apresentar a história de 44 mulheres que foram extraordinárias à sua maneira, que fizeram ou que continuam fazendo a diferença na sua área de atuação. Encontramos aqui a história de mulheres de todos os continentes, que lutaram pelo lugar da mulher na sociedade, pelo fim da desigualdade de gênero e por um futuro digno para todos nós.

O livro não apresenta apenas a história de mulheres reconhecidas mundialmente. Fazemos aqui um verdadeiro passeio pela história da humanidade e nos deparamos com personalidades femininas, muitas vezes, desconhecidas aos nossos olhos, mas que foram e continuam sendo fundamentais para a construção de um mundo mais justo.

Viajamos aqui pela Mesopotâmia, pela Ásia, pelo Brasil e por muitos outros países ou continentes e, ao longo das páginas, vamos nos deparando com a história de mulheres ousadas, corajosas e que transformaram o mundo com a sua luta, com a sua causa. São histórias inspiradoras porque são reais e porque nos mostram a dimensão do que somos capazes de fazer, do que somos capazes de mudar, no mundo. E o mais legal é que não encontramos mulheres de apenas uma faixa etária. Temos aqui mulheres de todas as idades.

Além disso, a obra apresenta outro ponto muitíssimo interessante: não encontramos um louvor apenas a mulheres pertencentes aos continentes existentes, mas também àquelas que foram expatriadas, que perderam à força o seu lugar, a sua pátria. E esse é apenas um dos fatos que mostra a preocupação das autoras em incluir todas as mulheres nesse importante espaço literário.
“Não digam que mulheres não podem ser heroínas.”
As ilustrações do livro também estão impecáveis e permitem um maior dinamismo na leitura, visto que trazem cor, vida e simbolismos para a luta dessas mulheres. Sem falar que cada capítulo apresenta frases inspiradoras e relevantes para a formação daquela Mulher Incrível e para a nossa também.

É verdade que cada uma apresenta o seu grau de importância e a sua força sem igual, mas fiquei muito feliz ao encontrar duas mulheres que admiro muito no livro: Malala e Maria da Penha. Ao lermos a história de ambas, que são tão diferentes em idade e que lutam em áreas diferentes, é impossível não se arrepiar e se emocionar com tudo pelo que elas já passaram e com a força que elas tiram de si para defender outras meninas e mulheres que estão na mesma situação.

“Mulheres Incríveis” é aquele livro para se ter na cabeceira da cama, pois nos faz refletir, se emocionar, aprender e, acima, de tudo, lutar pelo nosso espaço no mundo, pelos nossos ideais e por uma sociedade mais justa e que valorize, cada vez mais, os grandes feitos realizados por mulheres.


Classificação: 5 estrelas 

0 comentários:

Deixe seu comentário