[CRÔNICA] Novas Sensações, Doces Emoções



“Sentimentos são fáceis de mudar”. Talvez apenas o trecho dessa icônica música seja capaz de te fazer viajar para um dos clássicos mais amados da Disney: “A Bela e a Fera”. O filme, que agora ganhou mais uma adaptação, no cinema, conta com um elenco de peso e ter faz reviver as emoções dessa maravilhosa história, com uma fotografia de tirar o fôlego e com uma trilha sonora capaz de te arrancar suspiros.

Assistindo ao filme, que é o meu clássico favorito da Disney, e percebendo o quanto as pessoas vibravam e se emocionavam com a produção, é possível perceber o porquê de “A Bela e a Fera” cativar tanto o coração das crianças e, principalmente, dos adultos.

Ao conhecer o coração da Fera, Bela nos ensina que as primeiras impressões podem ser falhas, pois a superfície é rasa demais para conseguir comportar a grandiosidade e beleza que moram dentro de todos nós. Mais do que um filme que nos presenteia com a lição de que é preciso enxergar além das aparências, a Fera e o seu castelo encantado nos ensinam que é preciso, mesmo nos dias de escuridão, ser resiliente.

É necessário não perder a fé e a esperança de que o amanhã pode ser bom e capaz de trazer um novo sorriso aos nossos rostos. Afinal, a vida só será completa quando sabemos que os momentos difíceis não são eternos, mas que são eles que nos ensinam o quão doce e efêmera é a felicidade, se não soubermos dela apreciar.

Mais do que uma história de amor, o filme “A Bela e a Fera” nos ensina que precisamos ser destemidos. É preciso ter coragem de ir além da nossa pacata vila, muito além do que o pequeno universo que nos rodeia. Mais do que isso, precisamos ser destemidos ao aceitarmos quem nós somos, ainda que considerados estranhos aos olhos dos outros.


Com uma fotografia impecável e com sentimentos palpáveis, esse clássico nos presenteia com uma difícil, porém bela verdade: o futuro deve ser enxergado com a clareza que a mente nos proporciona e com a leveza que o coração oferece. Afinal, assim como as estações, os nossos sentimentos mudam e não podemos temer senti-los na sua intensidade. 

2 comentários:

  1. Pode chorar? <3
    Algumas coisas realmente me emocionam e um clássico Disney tem esse poder, rs.
    Sua delicadeza ao falar dos sentimentos me comove. Realmente, estamos em sempre evolução e nossos sentimentos se tornam um turbilhão.
    Bel, como sempre, você me encanta com seus textos cheios de verdade e amor.
    Beijos no coração

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aleee,
      Fico imensamente feliz que você tenha gostado da crônica e que, assim como eu, tenha essa paixão pela Bela e a Fera. Muito obrigada por sempre ler as crônicas e por dividir a sua opinião comigo. Amo muito a nossa amizade.
      Beijos no coração,
      Bel <3

      Excluir