Os Quatro Livros Favoritos das Férias

Oi, Pessoal, tudo bem?


A postagem de hoje será meio diferente das anteriores, que foram resenhas de livros. Hoje, vamos falar das Férias. Para muita gente, as férias representam um momento de descanso e de colocar o sono em dia. Contudo, para os leitores, esse período representa outra coisa: colocar as leituras em dia ou, pelo menos, diminuir a nossa lista imensa de livros. Então, durante as férias, consegui atingir a minha meta de leitura (Obrigada, Senhor!) e separei 4 leituras favoritas. Não farei uma resenha completa deles, porque, futuramente, eles receberão posts individuais. Então, vamos lá:

1. Era uma vez no outono-Lisa Kleypas



Quem me conhece sabe que eu tenho um carma grande com os primeiros livros de séries de romances de época. Normalmente, os primeiros livros não mexem muito com o meu coração e os segundos livros da série roubam completamente a minha atenção. Na série As Quatro Estações do Amor, da Lisa Kleypas, não foi diferente. 

Em “Era uma vez no outono”, vamos ter como protagonista da vez a norte-americana Lillian Bowman, que sai dos Estados Unidos rumo à Inglaterra em busca de um marido aristocrata. Enquanto isso, Marcus Marsden, o Lorde Westcliff, surge no papel de galã do enredo, ainda que seja arrogante e dominador. Dotados de personalidades fortes e de posicionamentos, muitas vezes, divergentes, Lillian e Marcus entrarão em inúmeros conflitos, até que a fachada criada por ambos sobre si mesmos começará a cair e eles perceberão que o coração, normalmente, escolhe alguém bem diferente de quem a nossa razão pensava ser a certo. 

Fiquei completamente apaixonada pelo livro, porque vamos descobrindo aos poucos quem eles são realmente e como são parecidos em muitos aspectos. O amor entre eles vai crescendo e acabamos percebendo como as diferenças entre eles são importantes para que um amor sólido seja construído e eles nunca esqueçam que amam um ao outro pelo que são verdadeiramente

“Não há nada mais bonito no mundo do que seu sorriso...nenhum som mais doce do que o da sua risada...nenhum prazer maior do que tê-la em meus braços.”


2. Sedução da Seda-Loretta Chase

Esse livro foi o meu primeiro contato com a escrita da escritora norte-americana Loretta Chase e, depois dele, ela entrou para a lista das minhas escritoras favoritas de romance de época. Sedução da Seda me chamou bastante a atenção por mostrar os bastidores do que acontece na sociedade londrina. 

Vamos encontrar aqui uma protagonista que não possui título, que precisa trabalhar para sobreviver e que valoriza a sua profissão. Sim, enquanto outros livros nos apresentam protagonistas consideradas ladies pela sociedade londrina, Loretta nos apresenta Marcelline Noirot, que coordena a Maison Noirot, tem uma ambição quase ilimitada, uma personalidade forte e um caráter duvidoso. Enquanto isso, temos um personagem masculino dotado do mais elevado título da sociedade londrina, o Duque de Clevedon

Assim como um bom protagonista de Romance de Época, Clevedon tem uma alma libertina, por muito tempo fugiu das suas responsabilidades e tem algumas cicatrizes camufladas pelo seu ar de superioridade. Temos aqui personagens que possuem ambições, muitos erros e um caráter cheio de muitas condutas duvidosas. Ambos sentem, imediatamente, uma atração física muito forte, mas seus destinos não podem se cruzar permanentemente por já terem as suas metas e os seus destinos traçados, principalmente pela posição social que ocupam. 

Clevedon deve se casar em poucas semanas e Marcelline necessita ser a modista da duquesa do seu interesse amoroso para conseguir a ascensão que tanto almeja para a sua Maison. O livro nos presenteia com muito romance, com personagens fortes e com muitas surpresas do destino. 

Contra todas as probabilidades, veio a esperança. Porque ela era uma sonhadora e uma conspiradora e ninguém pode sonhar ou conspirar sem esperança.”
3. O Amor nos tempos do ouro-Marina Carvalho 


Quem acompanha o Blog sabe que O Amor nos Tempos do Ouro foi o livro da primeira resenha que eu escrevi aqui. Por já ter falado minuciosamente dele aqui, o que posso acrescentar é que ele entrou para a minha lista de favoritos das férias e da minha estante. O livro, que foi escrito com maestria e segurança, possui uma trama com personagens cheios de cicatrizes provocadas pelas adversidades da vida e dotados de personalidades fortes. 

O enredo nos apresenta não só uma história de amor verdadeiro, mas também nos presenteia com um pouco da história do nosso Brasil Colônia. Com toda certeza, esse é um livro que todos os amantes de romances históricos deveriam ler.

“Quando os nossos inimigos interiores são combatidos, os inimigos de fora nada podem fazer contra ti.”
4. Nove regras a ignorar antes de se apaixonar-Sarah MacLean 


Fazia muito tempo que eu namorava esse livro, porque eu sou completamente apaixonada pela sua capa. “Nove regras a ignorar antes de se apaixonar” é de autoria da escritora norte-americana Sarah MacLean, que também escreveu a série O Clube dos Canalhas. A leitura desse livro foi muito refrescante para mim, pois sua escrita tem um ar leve, mas que traz consigo personagens fortes, bem construídos e que nos cativam pelo seu jeito genuíno de ser. 

Um ponto muito interessante desse livro é que ele nos apresenta uma personagem que ousa fazer tudo aquilo que a sociedade londrina impõe ser proibido para as jovens moças respeitáveis. Um aspecto bem peculiar desse livro é que a protagonista Calpúrnia Hartwell sempre nutriu um amor platônico por Gabriel St.John, amor este que ultrapassou uma longa década, mas o verdadeiro sentimento que nasce entre os dois decorre de quem eles realmente se tornaram e não de quem eles eram. Lembrando que esse é o primeiro livro da série Os Números do Amor.

Acho que as pessoas veem o que esperam ver, milorde, e não o que está diante delas.”

Bom, as minhas quatro leituras favoritas das férias foram todas de Romance de Época/Histórico, pois, dos 17 livros lidos, 14 deles pertencem a esse gênero. Sou completamente apaixonada por esse tipo de livro. Então, como foram as suas leituras ? Qual foi a sua favorita ?

0 comentários:

Deixe seu comentário